Investimentos Seguros Para Aplicar Seu Dinheiro

Aplicar o dinheiro ainda é um tabu no Brasil, devida a falta de economia financeira no país. Porém Investimentos Seguros já existem a um bom tempo e são a melhor forma de fazer o seu dinheiro render mais.

Esse conceito de que investimentos são arriscados, são baseados em duas hipóteses. Uma até não está tão errada, pois, quanto mais arriscado for um investimento maiores são as chances de ganhar ou perder a renda.

A outra é apenas por se tratar de dinheiro, literalmente. Quando o assunto mexe com as nossas finanças, ficamos com um pé atrás de perder tudo. E isso é normal e deve ser um cuidado tomado por todos.

Mas existem outras diversas maneiras, que não as aplicações de risco para se investir. Se você quer aprender um pouco mais sobre elas, não deixe de ler até o final o material que preparamos pra você.

Quais Investimentos Seguros eu posso aplicar o meu dinheiro?

1 – Poupança

A forma mais habitual e conhecida pelos brasileiros de investir o dinheiro é a velha caderneta de poupança.

Ela é considerada um dos Investimentos Seguros existentes, pelo fato de quase não haver riscos de perca do dinheiro investido. Porém, quanto mais seguro um investimento é, menos ele rende.

Mas se você está com o dinheiro parado em casa, sem nenhum tipo de aplicação, é melhor investir na poupança, do que deixar o dinheiro parado.

Ela é um tipo de investimento muito aconselhado por quem está começando a poupar, já que para ter acesso a ela basta você ter uma conta em algum banco. Além disso, os valores de depósito também podem ser baixos.

Com R$100,00, ou menos, você já pode abrir uma poupança. Isso depende de banco para banco. Mas se você está pensando em começar a investir e não tem muito dinheiro no início, pode considerar a abertura de uma poupança.

O rendimento dela é baseado na Taxa Selic e na Taxa Referencial, taxas que são comandadas pelo governo e pelo mercado como um todo.

2 – Títulos Públicos

Os Títulos Públicos são Investimentos Seguros pois são adquiridos diretamente do governo, e como o governo é pagável, a garantia de que você terá o dinheiro rendendo é certa.

Também está entre um dos investimentos mais seguros para quem está começando pois pode ser adquirida através de bancos ou financeiras, e com valores a partir R$30,00 o investidor já começa a poupar.

Mas cuidado, geralmente os títulos públicos adquiridos nas financeiras costumam ser menos vantajosos que nos bancos pois elas cobram taxas de administração maiores que as dos bancos.

Para que você entenda, mais facilmente, comprar um título público é como emprestar dinheiro para o governo. Enquanto esse dinheiro estiver emprestado, ele vai sendo somado aos juros, e quando você quiser retirar terá uma certa margem de lucro garantida.

Os títulos públicos são mais rentáveis do que a poupança, e também são influenciados pela Taxa Selic.

3 – Certificados de Depósitos Bancários

Os Certificados de Depósitos Bancários, ou CDB, como são conhecidos, podem ser chamados de Investimentos Seguros porque são adquiridos diretamente com os bancos.

É como se você fizesse um empréstimo para o banco que escolher, e ele vai te pagando juros pelo empréstimo durante o tempo acordado.

Como as chances de o banco quebrar são praticamente ínfimas, por isso o CDB é um investimento seguro.

Você pode começar a investir com o CDB a partir de qualquer valor, porém o mais indicado, e que irá te render mais em menos tempo, é começar uma aplicação de no mínimo R$5 mil, apontam os especialistas.

4 – LCI e LCA

LCI e LCA são as siglas para: Letras de Crédito Imobiliário e Letras de Crédito Agronegócio, respectivamente.

Assim como o item anterior, são Investimentos Seguros porque muito dificilmente bancos e o setor do agronegócio sofrem prejuízos.

Em ambas as aplicações, os valores iniciais são mais altos, porém, igualmente seguros e rentáveis.

No caso da LCI, em específico, os investimentos iniciais devem começar nos R$5 mil. Já nas aplicações de caráter LCA, os valores são ainda maiores, começando entorno de R$30 mil.

Ambos investimentos podem ser adquiridos em instituições como os bancos e são uma ótima escolha para quem deseja começar em Investimentos Seguros.

Todas as opções aqui mencionadas ainda contam com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que pode reembolsar o investidor em até R$250 mil em casos de a instituição contratada para aplicação quebre.

Leia também:

Empréstimo Pessoal → Vantagens e Desvantagens

Conheça o Empréstimo Pessoal Ibi

Ou seja, além de obter um resguardo, as chances de perder o dinheiro da aplicação nessas modalidades mencionadas são praticamente inexistentes.

Se você está pensando em começar a investir, essa é a hora. Pesquisa mais sobre as opções mencionadas, e comece já a ver o seu dinheiro render.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *