Conheça o PicPay

Seguindo a onda da digitalização e dos serviços online, a empresa PicPay criou uma espécie de carteira online que permite aos usuários fazer transações monetárias, tudo através do celular.

A empresa foi fundada em 2012, e tem como missão remodelar o entendimento que as pessoas têm acerca de como lidar com o dinheiro.

Conheça o PicPay: o jeito mais fácil de pagar e receber dinheiro online

O PicPay é um serviço online, disponível em aplicativos tanto para Android quanto para sistemas iOS, que facilita você a pagar contas e a receber dinheiro.

Você também pode enviar ou receber dinheiro entre amigos e clientes que estejam no app, além de poder pagar sua conta em restaurantes, por exemplo.

E o melhor de tudo isso é que você não precisa ter conta em algum banco.

Como funciona?

Você cria sua conta, preenche com seus dados pessoais, e cadastra o cartão de crédito. Se caso você não possuir um, não tem problema.

Você pode fazer uma transferência ou gerar um boleto para a sua conta PicPay, e o dinheiro cai dentro de alguns dias.

Feito isso, você já pode começar a utilizar os benefícios do aplicativo. Funciona assim: suponha que você tenha um boleto de uma conta para pagar. Você pode ativar o leitor de código de barras dentro do app, apontar para a folha e pronto.

O valor referente ao boleto é descontado no seu cartão de crédito ou do saldo que você tiver disponível na conta do PicPay.

Para transações entre pessoas, como pagar um amigo ou receber dele, ambos têm de ter uma conta na plataforma.

Depois que vocês se seguirem, assim como nas redes sociais, vocês já podem começar a realizar transações.

Basta escolher o amigo, preencher o valor e a data que ocorrerá o depósito na outra conta, e está feito.

Todos os tipos de transações dentro do PicPay acontecem assim, você faz a movimentação e o dinheiro será descontado do seu cartão ou do seu saldo no aplicativo. Se caso você cadastrar um cartão, os valores virão na sua fatura, para você pagar.

E quais são as vantagens de utilizar o PicPay?

Com o PicPay você consegue pagar contas como internet, água, luz e etc. através do leitor do código de barras, sem enfrentar filas e nem sair de casa. Você também pode adicionar créditos ao seu celular, sempre que quiser.

Não são cobradas taxas para as transações entre contas que fizer e você pode cobrar quem está te devendo, desde que a pessoa seja usuária do aplicativo, sem ter de encontra-la pessoalmente.

A plataforma permite parcelar seus pagamentos em até 12 vezes no seu cartão de crédito. Se caso você estiver em um estabelecimento que tenha máquinas de cartão Cielo, você também pode pagar a conta por ela. Basta escancear o QR Code da máquina que o dinheiro será descontado.

Além de poder gerenciar suas contas, o aplicativo permite poupar dinheiro. Se caso você tiver saldo guardado em sua conta, ele passa a render de maneira automática à 100% do CDI (Certificado de Depósito Interbancário).

E quais as desvantagens do PicPay?

Infelizmente, se você não tiver um cartão de crédito, você precisará se locomover ao banco ou a lotéricas para conseguir adicionar saldo a sua conta.

Outro fator negativo é que para enviar ou receber dinheiro entre pessoas, elas precisam ser usuárias da plataforma, caso alguma das partes não seja, a transação não é possível de ser realizada.

Quanto as taxas, se você fizer as transações com o dinheiro de saldo que tiver na conta, não pagará nenhuma. Mas se fizer as movimentações por meio de cartão de crédito não.

Para o pagamento de boletos via cartão de crédito, é acrescentado uma taxa de 2.99% do valor total da conta. E para o parcelamento dos mesmos, é adicionado 2.99% do valor do boleto mais 3.49% do valor de cada parcela que você fizer.

Além disso, se você está pensando em se cadastrar para que receba com mais rapidez, saiba que não existe limite de transferências mensais, mais uma transferência só pode ser feita depois que a anterior tiver sido inteiramente concluída.

E como posso me cadastrar?

Para criar seu cadastro na plataforma, vá na loja de aplicativos do seu smartphone e procure por PicPay. Após baixar, você deve completar seu cadastro preenchendo dados como CPF, celular, nome, e-mail e data de nascimento.

Você deverá escolher um nome de usuário único, para que fique mais fácil de as pessoas te localizarem. Usuários que moram fora do Brasil podem criar uma conta, porém os dados devem ser brasileiros e a moeda de transação continuará sendo o real.

Após isso, basta cadastrar o seu cartão de crédito ou gerar um boleto para adicionar saldo na sua conta PicPay e você está pronto para começar a utilizar os benefícios do aplicativo.

Mas afinal, vale a pena criar uma conta no PicPay?

Se você é uma pessoa que faz transações bancárias com frequência, o PicPay com certeza poderá te ajudar. Apesar das limitações de só poder fazer transações entre pessoas que estão na plataforma, o pagamento de boletos e outros serviços acaba sendo muito válido.

Se caso você não tiver cartão de crédito e tiver de adicionar dinheiro a conta através de boletos, vale a pena integrar seu aplicativo do banco, se tiver uma conta em um, a ele. Você gera o boleto, e paga o mesmo através do aplicativo do seu banco.

Assim, você consegue usufruir de um serviço 100% digital, mesmo sem ter o cartão de crédito.

Além disso, se você tem um negócio próprio o PicPay pode te auxiliar ainda mais. A plataforma conta com o PicPay Empresas, uma outra versão do aplicativo voltado para empreendedores.

Com o PicPay Empresas você pode receber o pagamento do cartão de crédito de seus clientes no seu estabelecimento sem maquininha e nem mensalidades, tudo através do seu celular.

Leia também: 

Vantagens e Desvantagens do Empréstimo Pessoal 

Consulta de CPF em 03 minutos 

Se caso você quiser receber em até um dia útil, você paga uma taxa de 1.99% por saque. Para saques realizados com mais de 80 dias, não é cobrado nenhum tipo de taxa.

Entre no site do PicPay, e tenha acesso a outras informações e confirme se realmente o aplicativo é vantajoso para você.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *